quinta-feira, janeiro 11, 2007
Melhores do Ano III
Melhor Argumento

"O ano de 2006 for marcados por muitos e bons argumentos. No entanto, sobressaiu-se um pela sua actualidade, pertinência e, sobretudo, imprevisibilidade, tendo em conta o percurso de quem o escreveu, Woody Allen. O argumento de match point é, sem rodeios, magnífico. Sendo possível fazer paralelismos com temáticas de grandes obras da literatura mundial, estamos presente uma narrativa onde seguimos a ânsia de um homem que, desejoso de subir na vida, renuncia a tudo, mesmo que esse tudo seja apenas e só a sua felicidade. Um belíssimo argumento, de um fantástico argumentista e realizador. " P.R

1 Match Point

2 The Proposition
3 Primer
3 Munique
3 Brick

Melhor elenco


"Mais do que um conjunto de estrelas, The Departed está recheado de boas interpretações. Desde Jack Nicholson, sempre fantástico, a um surpreendente Leonardo Dicaprio, passando por um sóbrio, mas competente, Matt Damon a intriga adensa-se na química que o elenco tem no ecrã. Acima de tudo, funcionam como um todo. A destacar particularmente: Vera Farmiga, desconhecida para a maior parte do público, que é enorme no seu modesto papel secundário; e Mark Wahlberg que se supera a cada cena, mostrando que nem sempre os protagonistas são as personagens mais complexas. " not_alone

1 The departed

2 Babel
2 Little Miss Sunshine
4 Volver
4 Brokeback Mountain

Melhor actor secundário


"Num filme com reconhecidos actores, nenhum brilha tão alto como Jack Nicholson. Irradiando segurança e estilo, Nicholson dá-nos em The Departed uma lição de boa interpretação. O seu Frank Costello é um papel secundário mas Nicholson rouba toda a atenção nas cenas em que participa. Perante tal demonstração de bem representar, ficamos como um misto de admiração e respeito. Para ele é mais um grande papel. Para as estreias em 2006 foi uma interpretação de melhor actor secundário a milhas da concorrência. Isto de um actor que de “secundário” não tem muito…" H.

1 Jack Nicholson - The departed

2 Brad Pitt - Babel
3 Jack Gylleenhall - Brokeback Mountain
4 William Hurt - A History of Violence
5 Steve Carrell - Little Miss Sunshine

Melhor actriz secundária


"Não deixa de ser sintomático que num filme onde encontramos nomes como os de Brad Pitt, Cate Blanchett ou Gael Garcia Bernal, seja a japonesa Rinko Kikuchi a destacar-se no meio deste grande mosaico que é Babel. Sem dizer uma única palavra, a actriz marcou absolutamente o ano cinematográfico com uma interpretação plena de emoção, inocência, dor e... amor. Para recordarmos que podemos encontrar no rosto humano uma infinitude de lugares e emoções que mil palavras não são capazes de expressar. Já tivemos Maria Falconetti, Anna Karina e, este ano, tivemos Rinko Kikuchi na interpretação do ano. Penso que não poderia ter expressado o meu apreço por esta interpretação genial de melhor forma." Paulo Costa

1 Rinko Kikuchi - Babel

2 Maria Bello - History of Violence
3 Mia Kirshner - The Black Dahlia
4 Hillary Swank - The Black Dahlia
5 Emily Watson - The Proposition
posted by P.R @ 11:45 da tarde  
1 Comments:
  • At 2:50 da manhã, Blogger gustavosampaio said…

    o argumento de "match point" é tão bom que até consegue fazer desaparecer, como que por milagre, com a gravidez da scarlett - um duplo desaparecimento, do relatório da autópsia e das páginas do diário...

     
Enviar um comentário
<< Home
 
 

takeabreak.mail@gmail.com
Previous Post
Archives
Cinema
>> Críticas
>> Filme do mês
>> Grandes Momentos
>> 10 Filmes de Sempre
>> Balanços
"Combates"
Críticas Externas
Música
>> Concertos
>> Discos
>> Sugestão Musical
>> Video da Semana
>> Outros
Teatro
TV
Literatura
Outros
Links
Affiliates